Publicado em 25 de mai de 2012 - A Guerra do Vietnã marcou uma época de agitação social que dividiu o nosso país como nunca antes. membros do serviço que retornam para casa com as cicatrizes físicas e emocionais foram recebidos com um nível sem precedentes de desrespeito e desonra. A coragem e sacrifício de nossos veteranos não pode ser exagerada. Quando você encontrá-los, agradecer-lhes por seu serviço. Você nunca sabe o quão poderoso essas palavras podem ser. Encontre o seu momento no www.Moments.org.

 


 

Os americanos fazem muitos filmes onde vemos veteranos de várias guerras sendo respeitosamente tratados.

Alguns, diria idolatrados e o filme abaixo os retrata muito bem.

 

Publicado em 25 de mai de 2012 - A Guerra do Vietnã marcou uma época de agitação social que dividiu o nosso país como nunca antes. membros do serviço que retornam para casa com as cicatrizes físicas e emocionais foram recebidos com um nível sem precedentes de desrespeito e desonra. A coragem e sacrifício de nossos veteranos não pode ser exagerada. Quando você encontrá-los, agradecer-lhes por seu serviço. Você nunca sabe o quão poderoso essas palavras podem ser. Encontre o seu momento no www.Moments.org.

Quando após o Iraque e mais recentemente o Afeganistão, começaram a tratar bem apenas os uniformizados, logo fizeram filmes lembrando a guerra do Vietnam que tantos americanos foram mutilados.

Budweiser Soldier Tribute Commercial

 

Este da Bud, muito conhecido entre nós...

 

Enquanto isso, no Brasil, um Major amigo meu, levou tiros na Avenida Brasil por estar fardado. Ele estava de uniforme CINZA e ia para o baile de sua formatura na ECEME.

 

Outro, foi alvejado de moto, por estar uniformizado.

 

No Brasil, principalmente aqui no Rio de janeiro, sair fardado é quase uma sentença de morte, já que policiais e militares são verdadeiramente caçados diante de uma Segurança Pública inepta e autoridades mais preocupadas em serem presos pela Lava Jato...

 

E quando comento isso, alguns vem com o lero-lero de que os americanos vivem em guerra e aqui não.

 

Pelo amor de Deus, leiam HISTÓRIA e aplaquem suas ignorâncias.

 

Os que voltaram mutilados da guerra do Paraguai (que os militares preferem chamar de Guerra da Tríplice Aliança), tiveram de construir um retiro lá na Ilha do Fundão. Acho que até Osório, o legendário, ficou lá...

 

E o que dizer da Segunda Guerra Mundial onde o mais condecorado herói, Major R/2 Apollo Miguel Rezk, foi perseguido por preconceitos por toda a sua carreira, pelos militares que não foram a guerra, e morreu completamente abandonado pelo Governo brasileiro, mas o governo americano mandou um Adido Naval, já que o herói possuía a mais importante medalha de bravura do Presidente dos EUA: a Distinguiched-Service Cross.

Escrevi um livro sobre este nosso herói esquecido.

 


CLIQUE na imagem para adquirir

Joomlashack